VoltarImprimir

Notícias

Meio Ambiente25/03/2019
Justiça defere pedido do MPMG para que Vale cumpra decisões liminares em Barão de Cocais




O Ministério Público de Minas Gerais obteve, na Justiça, após novos pedidos, que a Vale, responsável pelo rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho, cumpra as decisões liminares que a obrigam a tomar medidas para garantir a segurança de barragens que estejam em situação de risco. O pedido foi deferido com relação à barragem Sul Superior, do complexo minerário de Gongo Soco, em Barão de Cocais.

Além de Gongo Soco, o MPMG também reiterou os pedidos com relação a outras 11 estruturas no estado. Os pedidos ainda aguardam decisão da Justiça.

Clique aqui para ler a notícia da propositura da ACP que deu origem a esta decisão.

Ministério Público de Minas Gerais
Superintendência de Comunicação Integrada
Diretoria de Imprensa
Twitter: @MPMG_Oficial
Facebook: www.facebook.com/MPMG.oficial
Instagram: www.instagram.com/MPMG.oficial
25/03/2019