VoltarImprimir

Notícias

Patrimônio Histórico e Cultural26/01/2018
Imagem sacra pertencente à igreja situada na zona rural de Conselheiro Lafaiete é atribuída a importante escultor barroco

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) concluiu que a imagem de Santana Mestra integrante do acervo da Igreja de Nossa Senhora da Conceição de Gagé, localizada na zona rural de Conselheiro Lafaiete, é de autoria de Mestre Piranga, importante escultor, contemporâneo de Aleijadinho.

A Igreja de Nossa Senhora da Conceição de Gagé, datada do século XVIII, foi objeto de um Termo de Ajustamento de Conduta firmado entre o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio da 5ª Promotoria de Justiça de Conselheiro Lafaiete, e a Gerdau Açominas. O acordo previa a restauração do templo e das peças sacras, as quais, devido ao grande valor cultural e à falta de segurança no local, foram encaminhadas ao Museu Arquidiocesano de Arte Sacra de Mariana. 

De acordo com o promotor de Justiça Glauco Peregrino, “não obstante o valor cultural da imagem, não se sabia qual artesão a havia esculpido, motivo pelo qual foi solicitado ao Iphan um parecer de atribuição de autoria, que concluiu que o autor da peça é Mestre Piranga”.

Este nome foi adotado porque o escultor barroco vivia na cidade de Piranga, próxima a Ouro Preto, mas sua verdadeira identidade é desconhecida. No entanto, sabe-se que o artista trabalhou com o mesmo sistema de Aleijadinho, ou seja, um ateliê e aprendizes que o ajudaram em sua extensa obra. O escultor, reconhecido no Brasil e no exterior, já teve obras expostas em museus de São Paulo, Paris e Nova Iorque.

Fonte: 5ª Promotoria de Justiça de Conselheiro Lafaiete
 


Compartilhar: